Caçador recebe punição exemplar...



Todos vocês, desde criança, devem conhecer o filhote de cervo Bambi, um importante personagem de Walt Disney. Bambi foi lançado num longa metragem em 1942. O ponto alto da história acontece quando caçadores matam a mãe de Bambi e ele é obrigado a viver sozinho. Como vocês podem ver, é uma história bastante triste.


Acontece que na semana passada, um caçador do Estado Americano do Missouri foi condenado por matar centenas de cervos ilegalmente. Os agentes de conservação ambiental descreveram o caso de caça furtiva, como um dos mais graves da história do Estado americano, segundo noticiou o jornal Springfield News-Leader. O caçador levava as cabeças e deixava os corpos dos animais, disse Don Trotter, advogado do condado de Lawrence.

2 Minutos de Perícia

Suas permissões de caça, pesca e captura foram revogadas permanentemente.

E, sua pena, além de considerar uma vultosa multa e prisão, acreditem, também incluiu assistir uma vez por mês, durante um ano, ao filme Bambi. O juiz justificou que espera que o caçador se arrependa de sua crueldade com aqueles animais.

Embora pareça brincadeira, esse tipo pena, diferente da multa e da prisão que são punições, em sentido estrito, visa fundamentalmente restabelecer o senso de humanidade do criminoso. O juiz, nesse caso, não sei se vai ter êxito, claro, pretendeu que o caçador passe a sentir compaixão e mesmo piedade diante da vida animal.

65 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo